segunda-feira, 6 de janeiro de 2020

Porque abreviar 2020 não é boa ideia


Poupar dois algarismos e abreviar a data para, por exemplo, usando a de hoje, 5/1/20, pode deixá-lo à mercê de falcatruas

O alerta começou a circular rapidamente nas redes sociais: Não se deve abreviar o ano 2020 quando se escreve a data por ser uma potencial oportunidade para más intenções.

Ira Rheingold, diretor executivo da associação americana que representa os advogados dedicados aos direitos dos consumidores, diz mesmo que este novo ano cria “uma oportunidade única para os burlões”.

Como? Imagine um documento datado de 5 de janeiro. Se escrever 5/1/20, basta alguém acrescentar dois algarismos e fica 5/1/2021. Isto pode ser um problema com cheques fora de prazo, por exemplo. Se tiver um cheque caducado com a data referida e alguém o encontrar, basta acrescentar o “21” no final e fica com um cheque prontinho para ser depositado ou levantado.

O especialista, ouvido pela CNN, diz que o esquema pode ser usado em inúmeras situações, mas, como refere a cadeia de informação americana, o exemplo do cheque basta para dar ideias aos possíveis impostores…

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...