terça-feira, 4 de setembro de 2018

Asteróide maior do que o Big Ben passará próximo da Terra na próxima semana


Um asteroide maior do que a icónica torre do Big Ben, em Londres, passará pelo planeta a uma velocidade incrível na próxima semana, alertou a Nasa.

A rocha espacial, chamada de Asteroid 2018 QU1, tem mais de nove autocarros de dois andares seguidos e é mais alto do que Westminster.

A NASA estima que o asteróide tenha algo entre os 75 metros e os 170metros de diâmetro.

De acordo com a agência espacial norte-americana, o Asteroid QU1 fará a chamada “aproximação da Terra” na terça-feira, 11 de setembro.

O asteroide QU1 vai roçar o planeta por volta das 4:40 am (3.40 am TMG) a uma distância de 0.028 unidades astronómicas (au).

A NASA disse: “Em termos de elementos orbitais, os NEOs são asteróides e cometas com uma distância do periélio inferior a 1.3au.

Cometas próximos à Terra (NECs) são ainda mais restritos para incluir apenas cometas de período curto, ou seja, período orbital inferior a 200 anos.

“A grande maioria dos NEOs são asteróides, conhecidos como asteroides próximos da Terra”.

O asteróide QU1 irá passar a uma  velocidade alucinante de cerca de 12,52 km por segundo ou 28.006,4 mph.

Imagine o avião da Concorde a voar a duas vezes a velocidade do som a cerca de 2.179 km / h.

Este asteroide é mais rápido 20 vezes que o Concorde.

Depois que o QU1 passar pela Terra na próxima terça-feira, o Laboratório de Propulsão a Jacto da NASA não prevê outro sobrevoo.

Mas apenas nove dias após a QU1 entrar na vizinhança da Terra, espera-se que um asteróide muito menor cheguará muito mais perto da Terra.

A 20 de setembro, por volta das 10h 21 BST (21h09 TMG), o Asteroid 2017 SL16 passará.

O asteróide se aproximará da Terra a uma distância de 3,23 milhões de km ou 8,29 de distâncias lunares.

O SL16 continuará a retornará na mesma data nos próximos sete anos.

Uma unidade astronómica é o equivalente da distância entre a Terra e o Sol, que fica a mais de 149,6 milhões de quilómetros de nós.

Assim, o Asteróide QU1 voará a uma distância de 2,6 milhões de quilómetros.

Essa lacuna é equivalente a pouco mais de 10 vezes a distância até a Lua - 10,9 distâncias lunares.

No entanto, qualquer asteróide ou cometa que se aproxime do nosso mundo dentro de 0.05au é imediatamente classificado pela NASA como um “Near-Earth Object” (NEO).

Fonte: Express

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...