segunda-feira, 24 de setembro de 2018

JAXA faz história: rover japonês aterra em asteroide


O objetivo é estudar a origem e evolução do sistema solar

A agência espacial japonesa JAXA fez história ao conseguir aterrar num asteroide: dois pequenos rovers saíram da nave Hayabusa-2 na sexta-feira e desceram para um pedaço de rocha de 1 km de largura, conhecido como Ryugu.

A agência espacial europeia (ESA) já tinha conseguido enviar uma missão a um cometa, mas os japoneses tornaram-se os primeiros a aterrar e explorar um asteroide. A NASA já tinha feito aterrar uma nave num asteroide, há 18 anos, quando pousou a NEAR Shoemaker na superfície de Eros, mas aquela sonda não tinha a mesma capacidade de exploração.



A nave Hayabusa-2 chegou ao asteroide no final de junho, depois de uma viagem de três anos e meio. Na sexta-feira aproximou-se e enviou dois pequenos robôs para a superfície de Ryugu. Cada um, com cerca de um quilograma, está equipado com câmaras e sensores para recolher informação - e graças à baixa gravidade do asteroide conseguem movimentar-se, espera-se, através de pequenos saltos.

O objetivo é estudar a origem e evolução do sistema solar. Ryugu foi descoberto em 1999 e está classificado como um asteroide potencialmente perigoso, já que a sua órbita o traz até perto da Terra.

No final de outubro está previsto que a própria Hayabusa-2 desça até Ryugu para recolher amostras, regressando depois à terra numa viagem com início em dezembro de 2019.

Fonte: DN

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...