terça-feira, 6 de novembro de 2018

Como ser detectado por astrónomos de outros mundos? Baliza a laser pode ser a resposta


Segundo um novo estudo, dispomos de tecnologia imprescindível para atrair a atenção de extraterrestres.

Caso exista vida extraterrestre inteligente, um estudo do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) afirma que temos tecnologia necessária para construir um laser poderoso que seria usado como sinalizador para entrar em contacto com alienígenas.
Segundo o MIT News, o poder do laser seria capaz de emitir um sinal para extraterrestres que eventualmente possam estar a 20 mil anos-luz de distância. 

"Seria um projecto desafiador, mas não impossível", ressalta o autor do estudo.

O documento foi publicado no The Astrophysical Journal por James Clark, estudante do Departamento de Aeronáutica e Astronáutica do MIT, que considera que um laser de 1 a 2 megawatts de potência, disparado de um telescópio de 30 a 45 metros e apontado para o espaço, geraria um feixe de radiação infravermelho poderoso o bastante para exceder a energia solar, viabilizando assim um possível contacto com extraterrestres. 

De acordo com o estudo, o feixe luminoso de laser alcançaria a vizinhança das órbitas dos exoplanetas e chegaria perto da estrela anã vermelha TRAPPIST-1, que está a quase 40 mil anos-luz de distância, onde há sete exoplanetas (três são potencialmente habitáveis). 

Se o sinal do laser fosse detectável, o estudo estima que o mesmo mecanismo pudesse ser usado para enviar uma mensagem breve por meio de código Morse. 

Defendendo a tese de que um sinalizador planetário é tecnicamente possível, Clark espera que o estudo contribua para o desenvolvimento de novas técnicas de infravermelho. 

O objectivo seria não apenas detectar balizas laser, mas também identificar gases na atmosfera de um planeta distante que poderia conter indícios de vida.

Fonte: Sputnik News

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...