sexta-feira, 16 de novembro de 2018

NASA revela novos detalhes sobre o enigmático asteroide Oumuamua


Especialistas da NASA revelaram mais informações sobre o estranho objecto Oumuamua, o primeiro asteroide detectado que não vem do Sistema Solar, cujo comportamento estranho levou alguns cientistas a considerar a possibilidade de ser uma nave alienígena.

Oumuamua é um objecto interestelar, que actualmente está afastando-se do Sistema Solar, descoberto numa trajectória altamente hiperbólica, o que fez com que fosse classificado como o primeiro de uma nova classe chamada de asteroides hiperbólicos.

Depois de analisar mudanças constantes na velocidade de seu deslocamento, o Centro de Astrofísica Harvard-Smithsonian (EUA) chegou a sugerir recentemente que poderia ser uma "sonda" enviada intencionalmente à Terra "por uma civilização alienígena".

A NASA mantém numerosos telescópios apontando para o corpo espacial, porém, devido ao seu tamanho, a agência espacial não conseguiu detectá-lo nem mesmo no início de setembro, quando ele estava mais perto da Terra.

"O facto do Oumuamua ser pequeno demais para ser detectado [pelo telescópio espacial] Spitzer é, na verdade, um resultado muito valioso", diz David Trilling, professor de astronomia da Universidade do Norte do Arizona (EUA) e principal autor do estudo, publicou nesta quarta-feira (14) no The Astronomical Journal.

Embora essa circunstância não permita que os cientistas identifiquem a forma exacta do asteroide, pode-se calcular a área aproximada de sua superfície, já que, se o objecto fosse grande o suficiente, teria sido visto.

The first known interstellar object in our solar system is full of surprises.
Thanks to @NASASpitzer, we have a better understanding of its brief visit: https://go.nasa.gov/2qLO8W4 #oumuamua

As novas descobertas podem esclarecer a origem e a evolução do Oumuamua, mas os astrónomos afirmam que, de acordo com os resultados do estudo, a natureza do asteroide permanece ainda mais enigmática.

Seu tamanho relativamente pequeno dá liberdade à teoria de que o objecto está sendo empurrado de dentro por gás, o que poderia ter o expulsado de seu sistema solar materno e o forçado a viajar no espaço.

Fonte: Sputnik News

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...